Ator e pesquisador Franco Fonseca realiza curso que investiga arte e soropositividade

Partindo do desejo de compreender as interfaces da aids nas artes cênicas, especialmente teatro e na performance, o ator e pesquisador Franco Fonseca está lançando a segunda turma do curso “Arte como Vírus: Cena Pós Coquetel”. A formação será realizada de 26 a 30 de outubro e tem carga horária de 15 horas.

Natural de Macau no RN, Franco Fonseca  atua como pesquisador e ator, produtor cultural independente, é graduado em Teatro e Mestre em Artes Cênicas com pesquisa intitulada “Agora Chupa Essa Manga – cena pós-coquetel: interfaces da AIDS e artes da cena”. Investiga a noção de “pós-coquetel” no processo criativo de artistas soropositivos. Entre 2015 e 2017 trabalhou com dramaturgias da aid$ como uma resposta social à epidemia, desenvolve estudo com performance e teatro a partir da noção de sua autoria “Afeto Colateral”, pensada a partir da sua pesquisa e experiência em processos criativos com artistes soropositives.

O curso é fruto da dissertação de mestrado do Franco Fonseca que investiga a relação entre arte e soropositividade (hiv) e trabalha como temas a questão da visibilidade de artistas brasileiros soropositivos a partir de vivências práticas que são propostas aos participantes para levá-los à reflexão a respeito da aids enquanto doença ainda marginalizada na sociedade

As inscrições podem ser realizadas através da plataforma Sympla. Acesse aqui. O investimento é de R$5o reais.   O curso tem sido desenvolvido com apoio da Ardume Produções.

Confira vídeo de divulgação sobre o curso:

Previous ArticleNext Article
Cecília Oliveira
Cecília Oliveira é Comunicadora Criativa e Produtora Cultural, atua comunicando projetos artísticos na cidade do Natal há dez anos. É gorda power, a mil por hora, apaixonada por glitter, cachorros e fotografia.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *