Saiba tudo sobre a última (e histórica) edição do Reggae Noel na Curva do Vento

Ho Ho Ho, noite de Natal em Natal, depois das 23h59 a gente faz o quê? Vai curtir o Reggae Noel, bebê!

Natal em Natal: época de comemorar duplamente, seja pelo aniversário da cidade ou pelas celebrações natalinas costumeiras, com a família ou confraternizando com os amigos tomando uma cervejinha. Pensando nisso, há 10 anos surgiu o rolé oficial pós-ceia: o “Reggae Noel” na Curva do Vento.

Em uma década de evento, a festinha tornou-se o point oficial dos natalenses na noite de 24 de dezembro, após às 23h59, para curtir depois do peru, livre das piadinhas do pavê e regado a música ao vivo, pizza e bebida gelada. Mas, como tudo que é bom um dia chega ao fim, viemos anunciar que esta é a última edição do “Reggae Noel” e, claro, encerrará as festividades com direito a uma farra histórica, com: infraestrutura de comes & bebes, decoração especial, rua interditada para curtir o rolé plenamente e atrações NACIONAIS!

Sim, estamos falando de ninguém menos do que Mundo Livre S/A como headline. A banda pernambucana com mais de 30 anos de história foi uma das  fundadoras do manguebeat, movimento voltado para a atualização da música pernambucana, incorporando elementos da música pop moderna e que acabou influenciando a sonoridade de todo o país. Com o seu som político, dançante e carnavalesco, o Mundo Livre promete te fazer esquecer os velhos jingles de Natal e te fazer cantar junto.

Para completar a farra natalina, o line ainda contará com as bandas: Rod_Live_Sexion (PE) e Rasta Brothers e Convidados.

Informações gerais:

Data: 24 de dezembro

Horário: 23h59 às 5h da manhã

Local: Curva do Vento (R. Dr. Manoel Augusto Bezerra de Araujo, 396 – Ponta Negra)

Ingressos: Garanta antecipado com valor promocional aqui ou na própria Curva do Vento

Mais informações no telefone (84) 99916.3517

Previous Article
Alana Cascudo
Publicitária formada pela UFRN e pós-graduada em MBA Gestão da Comunicação em Mídias Sociais pela ESPM. Cinéfila, notívaga, apaixonada por viagens, gastronomia e assuntos relacionados. Sofrendo constantemente de insatisfação crônica, intolerante à lactose e totalmente desequilibrada.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *