O novo filme da dupla de roteiristas potiguares Victor Círiaco e Hélio Ronyvon vai dar o que falar. O curta-metragem “No fim de Tudo” conta a história de uma mãe e um filho LGBT e como uma doença degenerativa ajudou no estreitamento dos laços entre os dois.

“No Fim de Tudo” estreia na UFRN na quinta-feira (1) no auditório do NEPSA da UFRN. A exibição está marcada para começar a partir das 19h e terá entrada gratuita.

Formados pela UFRN, os roteiristas e diretores atuaram em outras obras de sucesso. O documentário “Abraço de Maré”, por exemplo, que levou prêmios do Curta Taquary, (PE) e da Mostra de Cinema e Direitos Humanos do Mundo.

A produção do curta metragem é assinado pelo Caboré Audiovisual, coletivo de Natal responsável por uma série de produções audiovisuais na cidade, além de ser conhecido por cursos e mostras de cinema local.

Entre os atores convidados para o curta-metragem, estão Silvero Pereira  atualmente no ar como o mordomo Nonato na novela “A Força do querer” da Rede Globo e Arly Arnaud que integrou o elenco do filme “Aquárius”.