Já tínhamos noticiado aqui no blog sobre o painel que estava sendo pintado no muro externo do Ludovicus – Instituto Câmara Cascudo. Para quem não lembra, essa foi uma das ações realizadas para celebrar os 30 anos de “encantamento” do seu patrono, Luís da Câmara Cascudo.

Encantamento” era o termo que ele usava para se referir a morte. Cascudo “encantou-se” no dia 30 de julho de 1986. Como parte das comemorações já promovidas pelo Instituto, em julho passado, destacou-se a exposição “Luís da Câmara Cascudo: 30 anos de encantamento… histórias que o tempo não leva!”, na sede da instituição.

Para finalizar estas comemorações e também em homenagem ao aniversário natalício de Câmara Cascudo (30 de dezembro), o artista plástico potiguar Sérgio Azol foi convidado pela Direção do Ludovicus, para realizar um painel de 52 metros no muro externo da instituição, tradicional local de arte urbana em Natal, palco de duas edições (2012 e 2014) do projeto “Graffiti para Cascudo”.

Abordando o seu “tema obsessão”, a Estética do Cangaço, Azol executou o mural entre os dias 06 e 10 de dezembro, com a colaboração de uma equipe de grafiteiros potiguares liderados por Miguel Carcará.

E agora, a gente pode conferir de pertinho o resultado dessa obra, seja passando pela Av. Câmara Cascudo, na Cidade Alta, ou dando uma espiada no registro fotográfico feito pelos olhar do Gustavo Dantas (você também pode seguir o instagram do fotográfico aqui).

Fotos por Gustavo Dantas

Fotos por Gustavo Dantas