Uma das grandes preocupações da saúde na cidade é em relação à alta incidência do mosquito Aedes Aegypti. Transmissor de doenças como a Dengue e, mais recentemente, a chikungunha e a Zika, o combate ao vetor é passo essencial para a saúde.

Para ajudar os órgãos públicos nisso, a UFRN criou um observatório online do mosquito onde qualquer pessoa pode avisar sobre focos do mosquito Aedes Aegypti.

Além disso, você pode informar aos órgãos competentes se há suspeita de dengue na sua região. Os dados vão ajudar as secretarias de saúde de Natal e do RN a tomar as providências necessárias para combater a epidemia.

O site usa um sistema georeferenciado que se conecta a um aplicativo utilizado por agentes de endemia da cidade para saber, de forma rápida, quais as áreas notificadas pelo usuário.

Você pode acessá-lo aqui.

Captura de Tela 2016-04-14 às 14.19.16